Proteja sua saúde consumindo esses alimentos

Proteja sua saúde consumindo esses alimentos

Uma dieta equilibrada e nutritiva pode prevenir inúmeras doenças

Uma rotina saudável pode prevenir inúmeras doenças, além de garantir mais bem-estar. Alimentação balanceada, atividade física regular, sono de qualidade e evitar hábitos tóxicos como o tabagismo e o consumo excessivo de bebida alcoólica, é indicado para todas as fases da vida.

A obesidade, por exemplo, já é um dos maiores problemas de saúde pública do mundo. A OMS - Organização Mundial da Saúde estima que, em 2025, cerca de 700 milhões de adultos no mundo sejam obesos e 2,3 milhões estejam com sobrepeso.

Isso pode gerar problemas como: hipertensão arterial, alterações nos níveis de colesterol e triglicérides, diabetes e doenças cardiovasculares.

Por isso, hábitos alimentares saudáveis devem sempre ser estimulados. A Unihosp incentiva a educação e a reeducação alimentar e hoje tem dicas de alimentos que devem ser incluídos sempre na sua rotina alimentar.

Lembrando que, quanto maior a variedade, mais nutrientes para o seu organismo. Fazendo esse consumo de modo consciente, você estará mais próximo de garantir o mix de vitaminas, fibras e minerais que o organismo necessita.


Leguminosas: importantes fontes de vitaminas, proteínas e minerais. Fornecem também grande quantidade de fibras, importantes para garantir a saciedade, os níveis recomendados de colesterol, o bom funcionamento do intestino e o controle da glicemia.
Exemplos: feijão, soja, lentilha, ervilha e grão-de-bico.


Vegetais verde-escuros: são as maiores fontes concentradas de nutrientes que você pode encontrar. Ricos em vitaminas, minerais e fibras, eles ainda contém luteína e zeaxantina, que são importantes para a saúde das células e dos olhos. Também ajudam na prevenção de doenças cardíacas, diabetes e alguns tipos de câncer.
Exemplos: espinafre, agrião, couve, rúcula e brócolis.


Frutas: importantíssimas na nossa alimentação diária! A OMS recomenda o consumo de 3 a 5 porções de frutas todos os dias. Quanto maior a variedade, mais benefícios!

As frutas cítricas têm sabor mais ácido, devido à grande concentração de ácidos cítricos e à intensa presença de vitamina C. São ricas em água, minerais, fibras e flavonoides, além de auxiliar na melhor absorção do ferro e no processo de emagrecimento.
Exemplo: laranja, tangerina, limão, abacaxi, maracujá e kiwi.

Frutas vermelhas e roxas geralmente são mais docinhas, têm alto poder antioxidante e anti-inflamatório e fortalecem o sistema imunológico. Assim, cuidam da saúde do coração, pele, rins, sistema digestivo, nervos e ainda dificultam a chegada do envelhecimento das células.
Exemplos: amora, uva roxa, ameixa, jabuticaba, framboesa, morango, maçã e cereja.

Lembrando que existem frutas de um grupo que podem estar no outro, ok?


Pães e massas integrais: os produtos derivados de grãos integrais são preparados com grãos que não passaram pelo processo de refinamento, como os preparados com farinha branca, e fornecem uma variedade maior de nutrientes, pois todas as suas partes são preservadas.

Eles ajudam, por exemplo, a aumentar a saciedade, melhorar o funcionamento intestinal, reduzir os níveis de colesterol no sangue e produzir menores níveis de glicose.


Carnes magras: tem menores teores de gordura e são fonte de proteínas, ferro, vitamina B12 e outros nutrientes.
Exemplos: frango, peixe, filé mignon, maminha, lagarto e patinho.


Oleaginosas: ricas em zinco, potássio, ferro, fibras, ômega 3 e ômega 6, que auxiliam na imunidade e no combate aos radicais livres.
Exemplos: avelã, nozes, castanhas, pistache, macadâmia e amendoim.

E vale aquela velha dica: faça pratos coloridos! Quanto mais colorido seu prato, mais equilibrado e maior a variedade de nutrientes. ;)